Morto o Ministro da Guerra do Estado Islâmico

Por: César A. Ferreira

O grupo insurgente Estado Islâmico sofreu nesta última terça – feira, dia 05, um golpe devastador no seu comando, resultado de um ataque aéreo da Força Aérea Iraquiana, que resultou na morte daquele que responde pelo posto equivalente ao de Ministro da Guerra dentro do grupo terrorista, Samer Mohammad Matloub Hussein al Mahlawi. O êxito se deu quando da realização de um raide aéreo contra uma base militar do EI identificada na cidade de Barwanah, ou Bervanah, localizada a 200 km ao noroeste de Bagda,  na província de Anbar, Iraque.  Al-Mahlawi foi membro da Al-Qaeda antes de aderir ao EI, sendo um dos lugares-tenente do falecido Abu Musab al Zarqawi.

Neste ataque, assessores próximos também foram mortos, três deles.  Este ataque de sucesso não é o primeiro das armas iraquianas contra o comando do EI. Antes, em 26 de dezembro último (2015), as forças iraquianas relataram a morte do chefe de treinamento militar de Ramadi e Fahllujah, Sa’ad al-Abidi, apelidado de  Sa’ad al Khaleda. Este membro sênior do EI foi alcançado e morto na localidade de Al-Khaledyia, 23 Km ao norte de Ramadi. Além disto, as forças iraquianas, na forma do recomposto Exército Nacional do Iraque, forças tribais recrutadas ad-hoc (forças de mobilização popular), realizaram uma ofensiva em dois eixos, uma com o objetivo a Barwanah e a segunda tendo Hadithah como alvo. Até o presente momento a contagem de corpos aponta 205 terroristas do Estado Islâmicos mortos.

Z9
Soldados iraquianos comemoram vitória sobre o EI. Foto: internet.

Outras perdas do Estado Islâmico também foram relatadas, tal como a morte do especialista em explosivos Habibullah Afghani, quando preparava com 19 ajudantes a colocação de bombas dissimuladas em carros. A emboscada se deu na cidade ocupada de Mosul, mais precisamente em Badush, distrito leste da cidade. Todos foram mortos.  Outra dezena de terroristas foram mortos, quando da tomada surpresa do principal hospital da cidade de Ramadi (110 km ao oeste de Bagdá).

Até o presente momento não foi relatado qual o vetor aéreo utilizado para a realização destes ataques. Sabe-se que a Força Aérea Iraquiana faz uso extenso dos helicópteros de ataque Mi-28N, Mi-35M e, Su-25. A FAIr encomendou e recebeu, com longo atraso, vetores F-16C, todavia, não se tem dado publicidade das operações efetuadas com tais vetores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s